15/01/2018

Minha segunda tatuagem

Oi amores, tudo bom?

É, comecei o ano com o pé direito e já realizando uma das metas que estava na minha lista do ano anterior e que continuou comigo nesse novo ano que acaba de iniciar. Eu sempre quis fazer tatuagens (sim, no plural) e desde que eu fiz minha primeira tatuagem a vontade de fazer mais aumentou. Já sei quais quero fazer, mas dei a prioridade por qual eu já sabia tudo (a tatoo, a fonte, o local, etc), e assim como eu compartilhei tudo com vocês sobre a minha primeira tatuagem, quis compartilhar sobre a minha segunda tatuagem também! A seguir vocês poderão conferir TUDO sobre minha mais nova tatoo.


A escolha da tatuagem Eu sempre quis tatuar alguma frase mas, algo que tivesse um significado e importância muito grande pra mim; algo que realmente fosse "muito eu". Até que há alguns anos as frases "Deus é bom o tempo todo" ou "O tempo todo Deus é bom" ficou bem conhecidinhas e super usadas, e eu me identifiquei MUITO com elas, em especial a "Deus é bom o tempo todo", ela sempre fez muito sentido pra mim, até que eu percebi que essa frase era pra ser a minha tatuagem. Ah, quem me acompanhou no twitter viu que por muuuito tempo todo dia antes de dormir esse era o meu último tweet haha.

Fonte Agora que já tinha a frase eu precisaria de uma fonte! E o que eu tinha em mente era que eu queria traços finos, uma fonte meio que "desenhada", ou seja, uma tatuagem delicada mas, que não tivesse a mesma fonte da minha primeira tatuagem! Agora que eu tinha ideia de como queria, fui a caça hahaha. Encontrei algumas tatuagens com o estilo de fonte que eu queria (só a fonte, as tatuagens eram outras frases) e mandei pro meu tatuador e expliquei tudo isso a ele; nisso ele me mandou algumas ideias de fontes mas, já com a frase que eu queria. Gostei de algumas, pedi opinião a minha mãe também, e depois de um tempo eu decidi como eu queria. E a fonte escolhida eu já conhecia e que por acaso é a fonte que uso na capa dos posts já faz um bom tempo usado para fazer! MAS, fiz algumas alterações pra ficar do jeitinho que eu queria (perfeccionista sempre hahaha).

- foto tirada poucas horas depois de ter feito a tatuagem -

Local Essa foi a parte mais simples de todo esse processo da tatuagem pois, eu SEMPRE quis fazer tatuagem na costela. Na verdade eu já sabia a duplinha hahaha: frase na costela. Então, não tenho muito o que detalhar nessa parte.

Dor Antes de qualquer coisa eu preciso dizer pra vocês que cada pessoa é um caso diferente, que essas "tabelas de dores" não vale nada hahaha, digo isso por experiência própria pois, antes de fazer a minha primeira tatuagem eu fucei MUITO na internet, e segundo essa "tabela de dor" o local que eu fiz a minha primeira tatuagem que foi na parte interior do braço é um local que eu sentiria muita dor, e eu não senti NADA, apenas um leve (levíssimo) desconforto mas, nesse segundo caso que foi na costela, onde é tudo osso, principalmente eu que sou magrinha eu tinha noção que iria sentir um incomodo maior; e foi exatamente isso que senti: um incomodo. Não senti DOR, só incomodou um pouco, superrrrrrrr de boas! Mas é como eu disse, cada caso é um caso.

- foto tirada uma semana depois de ter feito a tatuagem -

A tabela de dor citada à cima


Tatuador Eu fiz ela com o mesmo tatuador que eu fiz minha primeira tatuagem pois, como falei no post da primeira tatuagem, eu já conhecia ele, o trabalho dele, e já tinha confiança no profissionalismo dele. E isso é um ponto muitíssimo importante! Pesquisem MUITO antes de fazer sua tatuagem, é algo que meche com a pele, com seu corpo, é uma coisa pra sempre, então, tem que ser realmente um ótimo profissional! Meu tatuador é Antoni (conhecido também por Toin), o estúdio dele é na cidade vizinha, Limoeiro do Norte - CE, abaixo tem o contato dele direitinho pra caso queiram entrar em contato.


Tatuador

Whatsapp: (88) 9 9208-1281
Rua: Padre Vicente - 779

Cuidados Bom, os cuidados são básicos, evitar comidas muito "pesada", carne de porco, etc. Evitar expor ao sol e ficar passando os dedos, lavá-la com sabonete líquido e enxugá-la com auxilio de um papel e com cuidado; tudo isso até ela se cicatrizar direito, afinal, tatuagem é como se fosse uma ferida, cria casquinhas e precisa de um tempo de cicatrização. E a cicatrização demora em torno de 1 semana, mais ou menos. Nessa tatuagem o meu tatuador disse que não precisaria passar pomada (na do braço precisou).

Antes de finalizar o post quero que tenham em mente que tatuagem é uma coisa pra sempre, então todo detalhe precisa ser pensado e repensado várias e várias vezes. Se vocês forem menor de idade precisam sim da permissão dos pais de vocês. Eu tenho 20 anos e mesmo assim falei com eles! Ah, fiz minha tatuagem dia 06/01 e foi feita de rapidinho, em torno de 10 minutinhos.

E é isso meus amores, creio que consegui deixar tudo bem claro pra vocês, e outros detalhes, como por exemplo o valor é algo que precisa ser conversado com o seu tatuador, como já falei anteriormente, cada caso é um caso. Entrem em contato e façam o orçamento de vocês direitinho, não tenham medo e nem vergonha de perguntar, de tirar realmente suas dúvidas!
Beijos ;*

Nenhum comentário:

Postar um comentário